Sábado, 5 de Setembro de 2009

Fico triste ao perceber que à minha volta á pessoas que não sabemos descrever, especialmente quando és obrigada a conviver com elas, esforço-me, mas a única definição que me ocorre é que há pessoas estranhas.....

 

Ora bem o que é que eu entendo por por uma pessoa estranha.....estranhas são aquelas pessoas que estão de fora, que ficam à margem da nossa vida, que não se incluem......

então pergunto-me:

-porque é que isso acontece?

-porque é que tenho de conviver com elas?

 

Não encontro respostas, apenas suposições....

 

Alguém que fica à margem só pode ser, ou porque o pomos, ou porque quer, ou ainda porque foge à normalidade do contexto.

 

Se eu deixo uma pessoa à margem é porque não quero que essa pessoa entre na minha vida, mas nos casos a que me estou a referir, essas pessoas por variadíssimas circunstancias entraram na minha vida, algumas até diariamente, então, ou elas próprias se excluem, ou não são normais, ou ainda por serem tão estranhas não deixam de nos ser indiferentes.

 

......como é que é possível que nesta fase da vida ainda tenha que lidar com elas, o chamado politicamente correcto....... e eu que não tenho jeitinho nenhum para o ser.....

publicado por oquemeirrita às 11:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

......Para mim é uma pena que todas as semanas tenha que acontecer segunda-feira, eu sei que são coisas que acontecem sem nós termos o mínimo de controlo sobre isso, mas alguém, um daqueles tipos inteligentes, por exemplo o ministro das relações nacionais, deveria lembrar-se de fazer alguma coisa tão útil como abolir a segunda-feira do calendário, e digo mais, deveria substituí-la pelo segundo domingo.

 

Não, desculpem...................., era simplesmente genial já viram o que era em vez da segunda-feira o calendário ter o segundo domingo!?

 

PERFEITO

 

Porque é que a segunda feira é um dia horrível?!

Bem......Para começar tenho de voltar a levantar-me cedíssimo  para ir buscar o meu ganha pão, porque para além de ser o dia da semana em que me sinto mais  deprimida e  com péssimo humor é á segunda-feira que  tenho mais sono......que fico mais rabugenta, que fico com os sonos trocados e o dia não nunca mais termina para eu ir dormir e reorganizar os meus sonos todos, assim sendo, simplesmente odeio a segunda feira.

 

Aliás a segunda-feira é tão estúpida que é um dia sem lógica, onde é que já se viu o primeiro dia da semana chamar-se 2ª-feira. A pessoa que inventou esta nomenclatura deveria ser um gajo muito esperto, deve ter estudado psicologia e o comportamento humano, pois de certeza que foi como forma de terapia para o ser  humano não entrar em profunda depressão antes de começar uma semana de trabalho, assim parece que já começou e ele achou que não iria custar tanto....... Estava completamente ERRADO :(

 

Para além de que, se a segunda feira é o inicio da semana, isso quer dizer que algo terminou, e esse algo foi o fantástico fim de semana. Também quer dizer que ainda faltam cinco dias de árduo trabalho........... 

 

 

Este post, dedico a uma amiga que entre outras coisas que tem em comum comigo, ODEIA a segunda-feira.

 

E também a todos os meus amigos que fizeram com que o último fim de semana fosse realmente fantástico........OBRIGADA AMIGOS por me fazerem continuar a odiar a segunda feira.

 

publicado por oquemeirrita às 18:51
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Sábado, 15 de Agosto de 2009

CÓMICO

 

Tendo em conta os últimos três post´s e para não fugir à regra, o próximo também vai relatar uma situação da minha vida, que tem tanto de engraçada como de constrangedora.

 

Na minha vertente de fada do lar (tema que aprofundarei numa outra oportunidade), uma das tarefas que me compete é de cuidar da roupa de todos nós cá de casa, nesta função, como a minha experiencia ainda é bastante reduzida, não sei separar roupa de cor.

 

Por ter medo que  ela debote e estrague o meu fantástico guarda-roupa, decidi recorrer à minha mãe para me ajudar nesta, que para mim é uma dificuldade. Claro que a minha mãe se disponibilizou logo e prontamente foi  lá a casa.

 

O meu marido, que já perceberam é a pessoa que mora comigo, estava a tomar banho para depois sair, a minha mãe ia-se entretendo com o cesto da roupa suja e eu estava a adiantar o jantar....

 

Ao sair  de casa a pessoa que comigo mora, a minha mãe chama-me com os calções dessa pessoa na mão, e diz com um ar preocupado:

 

- Não quero arranjar problemas conjugais, mas.....

e do bolso desses calções cor de laranja, saem umas CUECAS DE SENHORA,

estas não identificadas por mim.

 

Não podem imaginar a minha cara....

 

Fiquei colada ao chão, com uma expressão em que tentava conter a admiração, enquanto olhava estupefacta para aquele objecto não identificado, ao mesmo tempo que a minha memória tentava rapidamente ir buscar a todas a gavetas os últimos acontecimentos, na tentativa de arranjar uma justificação.

 

Naquele minuto que me pareceram horas passou-me tudo pela cabeça:

-MAS QUE MERDA É ESTA!......

-Não, de certeza que isto não é o que parece......

-Bem se não respondo rápido, o que é que a minha mãe vai pensar dele.....

E lá continuava eu colada ao chão, imóvel.....

 

Quando de repente, da gaveta onde estavam guardadas, saem as recurdações das últimas férias....

  

Sem hesitar, tentando por descontracção na voz, respondi meio aliviada, meio atrapalhada, (como se disse-se, tas a ver que não são de outra gaja qualquer), disse:

 

-São da sobrinha dele, que se esqueceu do fato de banho e foi á água com esses cações,

e fugi rapidamente para a cozinha....enquanto pensava será que ela acreditou?

 

publicado por oquemeirrita às 23:44
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Segunda-feira, 10 de Agosto de 2009

É incrível como somos tantas vezes comandados pelo nosso inconsciente, o estranho é quando não o sabemos explicar...

 

Há alturas que parecemos marionetas, queremos fazer uma coisa, e sai-nos outra completamente ao lado.....devemos mesmo ter algo que manipula as nossas acções, comportamentos e as palavras que nos saem da boca.

 

Ás vezes até treino, vou no carro (onde aproveito o tempo para reflectir sobre a minha vida) e penso em relação a determinada situação, vou fazer assim, assim é que está correcto, esta é maneira de agir mais ponderada, mas no final quando chego à situação propriamente dita, o treino vai-se pelo cano abaixo, e lá está o manipulador a comandar a marioneta que há em mim, e lá estou eu a agir com a emoção/coração em vez da razão.

 

Não foi o caso da situação que me aconteceu, sobre a qual vos quero falar, não agi nem com o coração em com a razão simplesmente não sei...... 

 

Numa noite quente de verão, estava eu a dormir tranquilamente, enquanto esperava que o meu companheiro acabasse um trabalho urgente e fosse para a cama aconchegar-se a mim, quando ele terminou o seu trabalho foi isso mesmo que aconteceu, veio ternamente dar-me um beijo de boa noite para depois nos podermos aninhar no nosso sono. Até aqui tudo normal, o estranho acontece quando da minha boca inexplicavelmente saem as seguintes palavras:

 

-Abraça-me Ruben

 

Para quem não sabe o nome meu companheiro não é Ruben,

o resto podem imaginar.....

publicado por oquemeirrita às 11:59
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

Quarta-feira, 5 de Agosto de 2009

O que é que se espera de uma pessoa que bate num carro, sem ninguém lá dentro?

..........................................................................................................................................................................

......................................................................................................................................

.....................................................................................

...................................................

.........................

.........

....

EXACTO

Que olhe em volta para ver se o dono do carro está por perto, não para ver se fez estragos, mas sim para  se por em FUGA RAPIDAMENTE..... mesmo que com peso na consciência.

E foi exactamente isso que eu fiz. Ontem ao sair descontraidamente do parque de estacionamento, depois de beber o meu vitamínico chá de limão e por a conversa em dia com uma das minha amigas.....pus-me em fuga.......

Parece-se a mim, que fiz o que é esperado de qualquer cidadão comum, até porque ninguém mandou a alminha por o carro atrás do meu.

Quando eu estacionei o meu roxinho, não estava lá mais que uma árvore sozinha e abandona. Ora o que é que se poderia esperar, num parque de estacionamento de terra batida e sem marcações? Que alguém tivesse a brilhante ideia de estacionar ao calhas?!

......ou queriam o quê, que eu olhasse pelo espelho retrovisor?! 

......Claro!, o obvio era sair por onde tinha entrado, de marcha atrás e sem olhar para os espelhos, e como o dono não estava por perto, ir embora rapidamente, antes que as únicas testemunhas da ocorrência dessem com a lingua nos dentes, sim! porque ainda tive que levar com aqueles olhares de recriminação(olhar meio de lado com os olhos semi-serrados ao mesmo tempo que abanam a cabeça de um lado para o outro como quem diz que não) É de tirar qualquer um do sério, não acham? bué irritante! lolololololololololol

publicado por oquemeirrita às 20:58
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Terça-feira, 4 de Agosto de 2009

A resposta fez-me pensar......

Achei genial..... porque realmente não me sinto suficientemente grande para ter filhos.... apesar de já ser considerada oficialmente adulta à mais de uma década, de socialmente já se esperar que esse seja o passo a seguir e de o relógio biológico já me começar a avisar que estou a ficar atrasada....

Mas o que é que se espera de uma pessoa grande?

Pois não sei.....

publicado por oquemeirrita às 15:59
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quarta-feira, 29 de Julho de 2009

 

Na semana passada eu e o meu mais que tudo resolvemos tirar uns diazinhos só para nós....hummmmm, que maravilha, costa alentejana, bom tempo, sol, praia, passear, descontrair, descansar em suma NAMORAR Muito.....

 

Neste momento devem estar a pensar que bom, são dessas ferias que todos nós precisamos....pois mas isto foi só a projecção das férias, porque a realidade não foi bem assim....

 

Aquilo que seriam umas férias românticas só a dois foram umas ferias em família só a oito....o que vos parece.....o descanso e a tranquilidade transformaram-se em excitação e algazarra......

 

Agora devem estar a perguntar que oito?

pronto eu respondo

A família dele.................

agora imaginem o resto..... lolololololol

 

ok estou a dramatizar, não foi assim tão mau, entre as gargalhadas e histórias alucinastes de fantasmas das miúdas, jogos de cartas que até já nem são infantis, passear os cães na praia e ver a cara de incomodado do dono para apanhar o belo do coco, divertimo-nos imenso.... (pronto cunhadinha não fiques babada)

 

divertimo-nos tanto que dei por mim a pensar como seria passar férias em família, com a minha família e..........perguntei áquele que me poderá ajudar a construi-la:

- Quando é que temos filhos?

-Quando formos grandes.

 

publicado por oquemeirrita às 12:27
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Sábado, 4 de Julho de 2009

 

Ao percorrer-mos o tunel da vida, às vezes perdemos o sentido de orientação, o mapa que fomos construindo e que nos foi mostrando a direcção a percorrer tornou-se confuso.

 

Deram-nos tudo.....fizeram-nos acreditar que tudo era possivel....

Fizeram-me crer que podia sonhar......

 

E, a verdade é essa, a crua verdade é que realmente tenho tudo ao meu alcance, tantos caminhos neste estranho labirinto da vida, tantos, que me perdi.....

 

Estou perdida, tantas possibilidades e tantas hipóteses que não me consigo concentrar. A informação chega-me do todos os lados, rápida e inesperada como uma trovoada de luzes e sons que me atinge com raios multiplos.

 

Fico assustada, zonza, e com medo....

 

De repente, vindo do nada surge algo, algo capaz de fazer mudar qualquer coisa nesta rotina estupida em que nos encontramos....

Ganho forças novamente, volto a acreditar que o destino fez o seu trabalho e me está a mostra qual o caminho a seguir .....renasce a esperança, a força interior e a motivação cresce em direcção ao pretendido.

Só que o destino quer que seja-mos fortes,

e como o sofrimento faz crescer, amadurecer, tornando-nos pessoas responsaveis e adultas, 

ele tira-nos o tapete...

...Caí-mos, rebolamos por aí a baixo tropeçando em tudo e todos. Ficamos com feridas e ferimos.........

 

Então: O que era, já não é. O que parecia ser, mudou de forma. O passado tornou-se presente. E o sonho realidade.

publicado por oquemeirrita às 10:55
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 4 de Junho de 2009

....Ao sonhar com ele tudo era perfeito.....porque será que todos os meus sonhos são perfeitos?

Bem, mas cá estou eu na realidade em que continuo a sonhar com a perfeição das coisas que me rodeiam....e...neste estado, não há lugar para coisas tão pequenas como a Merda de um despertador, objecto que eu detesto, odeio e abomino... por vários motivos:

é ele que me faz acordar todos os santos dias à mesma hora, istó é, muito cedo, quem disse que levantar cedo e cedo erguer dá saúde e faz crescer (devia estar mesmo muito doente por se levanta tarde :)

Eu detesto levantar-me cedo, não me traz nada de bom, não ouço os passarinhos e não vejo o nascer do sol, apenas ganho um estado de nervos, porque por mais cedo que me levante, estou sempre na eminência de chegar atrasada a algum lado, de apanhar transito, bichas e bronze de camionista.....

Para alegrar as minhas manhãs, já procurei despertadores de varias formas e feitios, vários toques, várias cores, até mesmo aqueles que dão musica.....mas o efeito que produz é o mesmo....acordar terrivelmente mal disposta e com péssimo humor....

Então vamos cortar o mal pela raiz....eliminar o despertador e acordar com o método natural á hora que me apetecer.....pois mas isto só acontece naqueles meus sonhos perfeitos

huuuuuuuuuuummmmmmmmmmmmmm isto sim é vida....

 

 

publicado por oquemeirrita às 10:52
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 1 de Junho de 2009

Ó Fortuna

és como a lua

mutável,

sempre aumentas

e diminuis;

detestavel vida!

ora escurece ora clareia

por brincar com a mente;

miséria e poder

ela os funde como gelo

 

Sorte mostruosa e vazia,

tu- roda volúvel- és má,

vã é a felecidade

sempre a dissipar-se,

neblosa e velada

também a mim contagias;

agora por brincadeira

o dorso nu

entrego à tua pervesidade.

 

A sorte na saúde

e virtude

agora me é contrária.

dá e tira

mantendo sempre escravisado.

nesta hora sem demora

pulsa a corda vibrante;

porque a sorte

abate o forte,

chorais todos comigo!

publicado por oquemeirrita às 15:45
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


últ. comentários
Acho que não, mas se tu estás na dúvida, então faz...
Yuhuuuu!!! Regresso à escrita????? Muito bom!!! :)
http://www.elanao.com/
já actualizavas isto, não?
Olá... vim retribuir a visita... Um blog muito int...
arquivos
mais sobre mim
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro